sábado, 8 de abril de 2017

Quanto menos eu souber, melhor

você está bem
está sozinho 
está feliz
eu acho
não sei como eu
reagiria a uma suposta virada de jogo
no entanto
eu sei que talvez ficasse mal 
com certas mudanças que 
cedo ou tarde
irão acontecer
logo
quanto menos eu souber 
melhor

Why 
Can't you see yourself by my side?



quinta-feira, 5 de maio de 2016

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Andy Bull

Eu adoro o spotify. Isso é vida, sério. Tem playlists muito boas e você sempre acaba descobrindo músicas e cantores novos. Eu tenho minhas preferidas, mas isso não vem ao caso porque eu quero falar sobre Andy Bull. Ele é um cantor de pop alternativo australiano e tem uma voz tão diferente e eu tenho uma capacidade extraordinária de me encantar por coisas bem diferentes. Quando eu digo diferente não significa que seja ruim, não mesmo. Andy é um moço de composições profundas e ele consegue colocar isso em um ritmo sintetizado e isso deixa a música tão agradável de ouvir, assim como chloroform de phoenix. Gente, é muito amor. Voltando a Andy.. eu descobri ele numa playlist que eu acho(ACHO) que foi festa indie, mas eu não tenho tanta certeza. A música foi Keep on running e noooossaa, eu ameei! Ele tem 2 álbuns de estúdio que são We're too young de 2009 que eu não ouvi ainda e Sea of approval de 2014 que é muito bom :). Ele também lançou 2 eps e já gravou uma música de mgmt, ficou bem legal a versão dele, por sinal.
Aqui eu vou compartilhar minha música preferida dele que chama Baby Im nobody now. Espero que curtam :D


Essa greve

OLÁ pessoinhas.
Então, eu vou falar um pouco sobre a minha experiência nessa greve.

Pra quem não sabe, algumas universidades do país estão em greve por conta do corte de verbas e consequentemente falta de recursos. A minha universidade em particular já estava com o calendário extremamente atrasado e, como sabemos, a greve bagunça muito seu ano e a gente nem sabe quando volta nem se vai ter férias na época certa. Ou seja, caos. Eu tenho conseguido administrar esse tempo de forma até.. interessante. Eu não queria ficar muito tempo parada porque meus pais são os primeiros a reclamar. Eu pensei em várias coisas pra fazer, mas no momento as únicas que estão indo de fato são o blog(sim, esse mesmo) e um instagram de fotos do meus bairro(eu já comentei sobre ele aqui, aliás).Ainda tive outras ideias pra fazer acontecer e não gosto de prometer nada a mim mesma porque sempre.. há frustração. Enfim, isso foi mais um desabafo.